Como Escrever Uma Carta Passo a Passo

Como Escrever Uma Carta Passo a Passo

 Aprenda agora como escrever uma carta social, daquelas que a gente escrevia na época que não existia a internet. 

Sim é bem verdade que nos dias de hoje a era digital, internet, redes sociais, WhatsApp, Telegram, entre outras coisas, as novas gerações talvez nem saibam o que é uma carta.

Entretanto, escrever uma carta a mão pode demonstrar sobretudo um gesto de afeição.

Por isso, resolvemos ensinar como escrever uma carta mostrando o passo a passo.

Atualmente até mesmo o e-mail está entrando em desuso, apesar de precisarmos dele para muitas coisas.

Afinal, tudo cedeu lugar a comunicação instantânea, devido principalmente a agilidade e praticidade na resolução de questões práticas para o dia a dia.

Porém, há quem goste de escrever cartas sociais, nem que seja para relembrar os velhos tempos. Além de ser um gesto que encanta quem recebe.

Diante disso, se você deseja relembrar como se escreve uma carta ou mesmo aprender caso ainda não conheça, esse artigo é para você.

Acompanhe agora o passo a passo de como escrever uma carta e pratique esse bonito gesto.

Passo a Passo de Como Escrever Uma Carta

Escrever uma carta não é difícil, requer apenas prática e um pouco de atenção. Veja abaixo o passo a passo que preparamos:

1.   O que é uma carta e quais são os tipos

Quando pensamos em carta geralmente geral a primeira que vem à cabeça é a carta social.

Isto é, a carta no estilo mais informal destinada a familiares e amigos usada para expressar sentimentos.

Esse é o tipo de carta mais comum e por isso daremos o passo a passo dela.

Mas também existem outros tipos de cartas como documentos, cartas destinadas a instituições de ensino e até mesmo caixa de apresentação para se conseguir um emprego.

2. Destinatário e remetente

Para quem está aprendendo é importante definir destinatário e remetente.

Remetente é a pessoa que escreve e envia a carta.

Destinatário é a pessoa que recebe a carta.

O lugar do nome do destinatário é no frente da carta e do remetente fica no verso, mais na frente vai ter uma explicação melhor sobre os lados

3. Estrutura da carta

Uma carta social convencional deve conter uma apresentação composta por local (cidade) na data em que foi escrita.

Por exemplo: Belo Horizonte, 17 de julho de 2019.

Escrito exatamente assim: letra inicial maiúscula e o mês escrito por extenso.

Após apresentação é a hora da saudação quando estamos tratando com algum tipo de autoridade ou uma pessoa desconhecida, como um recrutador de uma vaga de emprego, costumamos colocar uma saudação do tipo:

Prezado (a), ou senhor (a) mas no caso de cartas para familiares e amigos essa formalidade pode ser dispensada.

A saudação para um amigo pode ser simplesmente um: Oi, tudo bem?

Após a saudação, é hora de começar a escrever o texto da carta. Esse texto com as informações que você pretende passar ao destinatário é chamado de corpo da carta.

Por fim, escrito todas as informações que devem ser passadas, é hora da despedida.

A despedida pode ser também algo simples como “um abraço” ou “cordialmente” acompanhado de vírgula nome e sobrenome do remetente.

Por exemplo: Cordialmente, Ana Júlia.

Cuidados ao escrever uma carta

Exemplo de corpo de uma carta

Além de ter uma estrutura bem montada, uma carta social precisa de atenção a alguns cuidados como ortografia e forma de transmitir a mensagem desejada.

Não que seja necessário utilizar palavras muito rebuscadas e difíceis, principalmente quando a carta é endereçada a uma pessoa conhecida.

Apesar disso, uma carta que apresenta uma ortografia cuidadosa, informações claras e agradáveis sem dúvidas enche os olhos de quem recebe a carta.

Portanto, cuide da ortografia. Procure escrever as palavras da forma mais correta possível, e evite abreviar e utilizar a forma como se escreve nas redes sociais.

É perfeitamente possível se utilizar de uma linguagem informal e escrever uma carta esteticamente bonita. Ademais, escreva de forma clara, direta e também afetuosa.

Passe a mensagem de forma alegre e escreva informações relevantes para pessoa, como novidades agradáveis.

Hoje em dia, pode-se dizer que as cartas servem para transmitir boas notícias. Já que existem inúmeras outras formas para de resolver coisas urgentes no cotidiano.

Então se aproveite disso para transmitir alegria ao seu destinatário.

Correios

Feita a carta, é a vez de pensar na forma de envio.

São várias possibilidades, mas podemos começar falando das regras de preenchimento do envelope para que a carta seja postada entregue corretamente. Acompanha as regras a seguir:

Dobre a folha da carta do lado inverso ao escrito duas ou três vezes. Escolha um envelope e saiba que há uma ordem de preenchimento dados do destinatário e do remetente.

A frente é considerada a parte lisa, atrás da abertura. Esse é o lado do destinatário, enquanto a o lado da abertura é o verso, onde vão os dados do remetente.Os dados tanto do remetente quanto de destinatário são os seguintes:

  • Nome completo;
  • Endereço completo (rua, número da casa ou do apartamento, bairro, cidade, estado e CEP, que é o código de endereçamento postal) das duas pessoas.

Os correios disponibilizam as mais diversas formas de envio da carta:

  • Carta comum;
  • Carta registrada (que disponibiliza código de rastreamento para você acompanhar o recebimento);
  • Sedex (também são várias opções para que o recebimento seja mais rápido entre elas estão Sedex Sedex 10 Sedex 12 e Sedex hoje).

 Os valores e prazos de recebimento variam de acordo com a distância entre o endereço da postagem e endereço que receberá a carta. Consulte o site dos Correios para saber mais.

A ideia de escrever uma carta é bastante atrativa e diferente para os dias atuais. Apesar de muita gente achar ultrapassado, escrever uma carta pode ser uma boa e diferentes surpresa para quem recebe.

Agora que você já sabe como escrever uma carta, coloque em prática e surpreenda.

E se você gostou do artigo, compartilhe em suas redes sociais para que mais pessoas tomem conhecimento e façam o mesmo.

Como Você Pode Melhorar A Sua Escrita?

Como Você Pode Melhorar A Sua Escrita ?

Não se escreve mais como antigamente

Vivemos hoje em uma sociedade quase automatizada, na qual a prática da escrita como se tinha antes (nos papéis), é quase inexistente.

Até mesmo as escolas, pararam de utilizar o método de escrita em cadernos e algumas já estão aderindo ao método da internet.
Na verdade, é difícil dizer que foi a internet a responsável pela escrita das pessoas ter piorado, mas é fato que as pessoas pararem de escrever de forma clara e objetiva, além de muitas vezes a utilização da norma culta, ter deixado de ser utilizada e exigida nas escolas.

Não só as escolas, mas a sociedade em geral, deixou de valorizar a norma culta de utilização tanto de fala quanto de escrita.

Os problemas que causaram
Charge sobre a exclusão do trema e mudanças no hífen

Não significa que não utilizar a norma culta, seja algo que se possa considerar ruim, mas a ausência da utilização da norma culta dentro da sociedade, fez com que as pessoas parassem de utilizar a escrita de forma correta.

Isso sem contar o básico: em 20 anos nós já tivemos diversas mudanças na nossa língua, para que se pudesse aproximar nossa língua da nossa língua matriz portuguesa, mudando então algumas palavras como é o caso da palavra ideia, que antes tinha acento e agora já não tem mais, ou a anulação do trema( ¨ ), que não existe mais, então é normal que a sociedade tenha seus conhecimentos defasados.

Na verdade, são vários os fatores que fazem com que a escrita das pessoas seja piorada conforme o tempo.

Outro fator também que piorou muito a escrita das pessoas é o fato de que nossa mente não trabalha a todo momento 100% ativa para lembrar de todas as palavras que a pessoa já conheceu, como também não se pode imaginar que as pessoas possam lembrar de todas as palavras já aprendidas no passado, mas que não são muito utilizadas atualmente, fazendo com que a pessoa tenha problemas com a escrita.

Os vários problemas de escrita

Existem diversos problemas para se escrever

Por incrível que pareça, apesar da escrita ser algo normal. A utilização da mesma pode ser feita de maneira muito diferente.

Por exemplo se uma pessoa te disser que tem problemas na escrita você pode pensar que ela não sabe escrever uma palavra, ou que ela não sabe escrever por conta da caligrafia, ou pode ser um problema também com a norma que se utiliza a mesma.

Enfim. Os problemas são vários, então é preciso entender primeiro qual o problema da pessoa com a escrita para depois se dizer como melhorar ela, no entanto vamos falar basicamente do primeiro e do último para que se entenda melhor como resolver o problema.

Problemas com o não se saber como usar a escrita

É bom saber escrever para poder identificar erros

Como já dito no início do texto, é muito difícil mesmo se entender como se escreve tal palavra hoje e isso pode não parecer importante, mas no fundo pode ajudar as pessoas na hora de enviar um e-mail, ou escrever um texto sobre determinado assunto no Facebook, ou enviar uma mensagem para um parente, enfim, são vários os motivos pelos quais as pessoas podem querer deixar de ter problemas com a escrita, então esse texto pode te ajudar a entender melhor como melhorar a sua escrita.

Mas como eu disse é preciso antes entender os meios que podem te causar isso, que dependem de você como por exemplo a falta de leitura, mas daremos mais a frente algumas dicas para que isso possa melhorar

Problemas com a norma culta

Não precisa ser uma pessoa culta para saber escrever com as normas cultas

Essa é para as pessoas que pretendem trabalhar com comunicação ou com profissões quais as pessoas tenham de enviar emails ou mensagens para pessoas importantes como um presidente de uma multinacional, ou um juiz.

Sabemos também que em alguns casos é preciso que se utilize pronomes de tratamento com juízes ou mesmo com políticos ou coisas importantes, portanto, vejam amigos, que a escrita na norma culta é essencial para as pessoas que estão em idade de entrar no mercado de trabalho ou que estão desempregadas.

Descubra tudo sobre a escrita, uma historia incrível que revolucionou a humanidade!

O grande problema nisso é que as grandes empresas estão buscando hoje pessoas que saibam utilizar além do português excelente, também da norma culta da língua portuguesa.

Isso se tornou básico e pode ser um impedimento no caso de um processo seletivo.

Dicas para melhorar na escrita

Entenda a língua que está escrevendo

Ler mais: Se me perguntassem o que acho ser essencial para que uma pessoa possa ter uma escrita melhor para não errar palavras, o que eu diria que é um bom início é terno hábito da leitura, parece que não, mas o nosso cérebro consegue identificar as palavras certas quando nós estamos lendo algo.

Portanto se você puder ter o hábito de ler um livro ou ler um texto seria ótimo para você aprender melhor as palavras.

Se está em dúvida em uma palavra. Olhe o dicionário: Pode parecer redundante, mas escrever palavras certas depende de ver como elas são escritas. Então se você está na dúvida da escrita de uma palavra, você deve olhar o dicionário para ver como se escreve. Essa talvez seja a principal dica para quem não tem muito conhecimento das palavras

O bom é que podemos usar a tecnologia a nosso favor, existem diversos aplicativos de dicionários que com certeza irá lhe ajudar na pesquisas e os mesmo te influenciam a aprender novas palavras com desafios, palavra do dia e outras coisas bem interessantes.

Aprenda na prática: Se você já passou por esses dois primeiros processos, o que você acha de aprender isso na prática? Exatamente. Na prática.

Escreva de 2 a 3 textos curtos por dia e utilize a última regra.

A prática leva a perfeição

Entenda as regras gramaticais: Essa é a dica mais difícil de todas, pois o português não é uma língua tão simples e existem muitas regras que são essências saber para poder escrever com o mínimo de erros possíveis.

Muitas vezes para se saber se se está escrevendo certo você precisa apenas entender a regra que cabe naquela palavra.

Você por exemplo já ouviu falar da regra do m antes da letra p e da letra b? É uma simples exemplo de regra gramatical que pode te ajudar a escrever melhor.

Além também das regras de acentuação gráfica (palavras proparoxítonas, paroxítonas e oxítonas). 

Para os problemas na norma culta: Os problemas com a norma culta vão muito além, no entanto você pode usar as dicas anteriores, mas tem que ser de uma forma diferente.

Por exemplo: vamos imaginar que você queira escrever na norma culta, que tal você pegar um livro com um palavreado mais adequado?

Se você está buscando escrever na norma curta é porque sabe escrever as palavras corretamente, só quer escrever diferente, então você deve aprimorar sua escrita conforme tais normas.

Saiba tudo sobre a escrita, algo que fez a humanidade evoluir

A história da escrita é quase tão antiga quanto a história da humanidade: em 4000 A.C, já existia escrita na mesopotâmia.

A Mesopotâmia é a região entre os rios Tigre e Eufrates, onde hoje é o Iraque e foi a região onde a humanidade começou a se desenvolver: foi a região onde surgiu a primeira cidade, onde os primeiros reinos se desenvolveram e onde a escrita começou.

Na verdade, a história é dividida em relação á escrita: quando se fala pré-história, quer dizer antes do surgimento da escrita. A forma mais antiga de escrita é a escrota dos sumérios, chamada escrita cuneiforme.

Escrita cuneiforme encontrada na Turquia

Proto-escrita

Há indícios de comunicação escrita ainda no período neolítico. Os estudiosos chamam essa escrita e proto-escrita: ainda não é uma escrita plenamente desenvolvida porque usa símbolos para representar um conjunto limitado de ideias e pensamentos, parecia um jogo de quebra cabeças.

Escrita neolítica encontrada na China

Na China foram encontrados símbolos gravados em cascos de tartarugas que datam de 7000 A.C.! Também datados de 7000 A.C foram encontrados registros de escrita na Sérvia, no continente europeu, os chamados símbolos de Vinca por perecerem ao antigo povo Vinca.

Entre 4000 e 3000 A.C que a proto-escrita se desenvolveu até se transformar nos primeiros sistemas escritos completos: a escrita da mesopotâmia e a escrita egípcia.

O chamado tablete (pequena estrutura em forma de quadrado e feita de argila onde eram gravados os símbolos) é datada de 3.500 A.C e mostra uma versão primitiva da escrita cuneiforme. As primeiras escrituras foram de caráter comercial, registrando números e, mais tarde um pequeno desenho que dizia o que estava sendo contado.

Mesopotâmia e Egito

O nome Escrita Cuneiforme vem do instrumento em forma de cunha que resultou nos sumérios utilizando para gravar o texto em tabletes de argila.

Alguns estudiosos acreditam que a escrita no Egito surgiu um pouco depois da escrita cuneiforme e que a escrita cuneiforme influenciou a escrita do Egito.

A escrita egípcia ganhou o nome de hieróglifos dado pelos arqueólogos modernos. A palavra vem do grego e significa “símbolo sagrado”.

Escrita encontrada em tumba egípcia.

A escrita tanto entre os sumérios quanto entre os egípcios permitiu guardar o conhecimento de forma mais segura que a transmissão oral, desenvolver o comércio através de escrita comercial, e desenvolver o texto de ficção.

Sem falar que várias obras destas civilizações só chegaram até nós através da escrita.

Alfabeto Fenício

O alfabeto fenício é o mais antigo alfabeto, isto é, aquele em que casa símbolo representa um som. O alfabeto era composto de 22 letras e não tinha vogais.

A importância do alfabeto fenício está no fato de que o alfabeto deu origem a vários outros, inclusive ao que usamos atualmente.

Alfabeto fenício

Pela facilidade do alfabeto fenício, em que cada símbolo representava um som, o alfabeto podia ser adaptado para várias línguas e também permitiu que mais pessoas fossem alfabetizadas.

Os alfabetos mostravam as diferenças de classes: os nobres ainda usavam a escrita cuneiforme.

O Alfabeto Latino

O alfabeto latino é o alfabeto que nós usamos atualmente. Ele é usado nas línguas que vêm do latim, como no português e no francês, além de ser usado em línguas germânicas como o inglês e o alemão. O alfabeto latino veio de uma versão do alfabeto grego que, por sua vez, veio do alfabeto fenício.

Uma das formas mais antigas de alfabeto latino.

 

Os romanos, que falavam latim, utilizaram o alfabeto grego tal como era utilizado em uma colônia grega no sul da Itália.

Quando os romanos conquistaram a Grécia, no século 1 depois de Cristo, a forma clássica do alfabeto latino foi criada coma introdução das letras Y e Z.

Posteriormente, na Idade Média, o alfabeto latino se espalhou coma difusão do cristianismo.

Idade Média

Durante o império romano, o alfabeto latino, usado para escrever em latim foi se espalhando pela Europa.

Mais tarde, durante a Idade Média, o avanço do cristianismo fez com que falantes de línguas celtas, na atual Inglaterra, e falantes de línguas eslavas, no leste da Europa, passassem a usar o alfabeto latino.

Escrita em latim medieval

O alfabeto latino foi sendo usado por todos os países que seguiam a Igreja Católica Apostólica Romana. Países do leste europeu, ao seguirem a Igreja Ortodoxa, mantiveram o alfabeto cirílico.

No entanto, após a queda da União Soviética, vários países decidiram usar o alfabeto latino a partir dos anos 90.

E desde a idade média até hoje, no século XIX, o alfabeto latino tem se espalhado em 2015, o governo do Cazaquistão decidiu que gradativamente, o país vai adotar o alfabeto latino. A mesma coisa com o Turcomenistão que, em 2003, decidiu que também passará a usar o alfabeto latino.

Progresso e escrita

A escrita favorece o progresso, de maneira mais importante, ao permitir que se tenha um registro de atividades, de cultura: assim aperfeiçoar qualquer ponto da cultura se torna mais fácil se guiado por escrito.

A escrita também permite um desenvolvimento das ciências humanas: é possível sistematizar filosofia, ou deixar uma poesia para as próximas gerações.
Mesmo que haja sociedades como os maias, que prosperaram com ausência de escrita, a escrita ainda contribui para formar uma cultura, para dar um senso de união ao povo através do compartilhamento de textos.

Talvez a maior contribuição da escrita seja criar uma coletividade forte que aja coletivamente em prol da sociedade.

Como é o trabalho de um escritor?

Você considera escrever um trabalho ou um hobby? Algumas pessoas escrevem por anos em blogs e páginas da internet por anos até serem reconhecidas, publicarem e poderem ganhar algum dinheiro com a escrita.

Mas além do dinheiro, temos que levar em conta que escrever sempre é um trabalho duro: é exaustivo, algumas pessoas abrem mão dos momentos de lazer para escrever, não dá para falar que escrever é um hobby leve que descansa a mente.

Blogar diariamente até ser reconhecido pode ser um trabalho pesado.

Escrever com certeza não é um hobby, e mesmo que você não seja pago é um trabalho. Um trabalho que exige bastante de quem escreve. Confira alguns fatos e dicas sobre o trabalho de um escritor!

O Sistema de Trabalho 

Todo escritor famoso tem um sistema de trabalho. E é esse sistema que faz com que escritores continuem trabalhando e escrevendo mesmo nos dias em que a criatividade anda em baixa.

O autor Stephen King, por exemplo, que publicou mais de 20 livros, tem o compromisso consigo mesmo de escrever 2.000 palavras, faça chuva ou faça sol, como forma de ter uma rotina de trabalho.

Stephen King

Se você conseguir montar seu próprio sistema de trabalho, garantimos que sua escrita vai ser mais produtiva, mesmo nos dias em que sua criatividade não estiver no melhor.

 A primeira coisa que você deve fazer é procurar material para inspirar a sua escrita: notícias de jornais, fóruns da internet ou até mesmo algo que aconteceu com você.

Daí é só guardar o que te inspira, seja fazendo um diário, seja organizando como arquivos no seu computador.

Agora vem o passo 2: escrever.

Você pode estabelecer um limite mínimo de páginas ou de palavras e estabelecer uma hora de começar a trabalhar e uma hora para terminar.

E se mantenha com uma escrita afiada: leia outros autores, leia livros sobre como escrever bem, analise textos que você eventualmente leria para entender o que falta na sua própria escrita.

Estabelecendo uma rotina para escrever

Todo escritor famoso tem uma rotina diária que segue com o seu trabalho. Você pode se inspirar e reservar um período do seu dia para escrever, com um horário pré-determinado para escrever, almoçar ou mesmo descansar.

Segundo o escritor japonês Haruki Murakami, estabelecer uma rotina e repeti-la todo dia funciona quase como uma hipnose mental e ajuda a destravar a criatividade.

Capa do livro 1Q84 de Haraki Marakami, que foi best seller em vários países, inclusive no Brasil.

Você pode estabelecer sua própria rotina, e aqui vão algumas dicas para ajudar:

  1. Estabeleça objetivos e construa sua rotina de modo a alcançar esses objetivos;
  2. Sempre considero a hora de escrever a sua prioridade;
  3. Tente descobrir em que hora do dia é mais fácil para você se concentrar ou ser criativo;
  4. Tenha um espaço na sua casa que você usa exclusivamente para escrever;
  5. Tente diferentes métodos de escrita para descobrir qual mais combina com você
  6. Escrever 30 minutos sem pausa e sem parar e depois editar o texto.
  7. A técnica pomodoro: coloque um despertador para tocar dali a 25 minutos, trabalhe nesses 20 minutos e descanse 30.

Técnicas de escrita 

É sempre bom reservar parte do seu dia para estudar técnicas que podem tomar a sua escrita melhor e mais criativa. Escrever não é somente talento, mas dominar uma série de regras pode ajudar o aspirante a escritor.

Confira algumas dicas e sempre tente colocar em prática!

  • Quando estiver escrevendo uma descrição, tente incorporar todos os sentidos: descreva cheiro, cor, textura. Torna a descrição real para o leitor.
  • Crie personagens complexos: dessa forma, o leitor vai se engajar na leitura, simpatizando ou antipatizando com o personagem.

Harry Potter: personagem que fez milhões de pessoas se emocionarem

  • Tente trazer emoções a tona: sempre se pergunte que emoção o trecho que você está escrevendo provoca no leitor
  • Faça com que cada personagem tenha uma maneira única de se expressar: faz seu personagem se tornar próximo da vida real.
  • Tente escrever cenas de ação empolgantes, para que o leitor se sinta dentro da cena.

Você vai gostar de ler: A Beleza da mulher já foi escrita

Quando você odeia sua própria escrita 

É muito comum que escritores iniciantes – e, ás vezes, até escritores profissionais – odeiem a própria escrita. Considerem o próprio trabalho fraco e sem criatividade.

Há algumas razões em porque isso acontece: quando você se propõe a ser um escritor, você tem bom gosto – como todo mundo que faz trabalho criativo e você reconhece que está no início de carreira, e que há muito espaço para desenvolver sua escrita.

Você não é ainda um escritor estabelecido, mas tem bom gosto suficiente para saber que seu texto ainda não está no ponto certo.

Se você for paciente e trabalhar na sua escrita, com tempo esse descompasso entre o seu bom gosto e a sua escrita vai acabar e você vai ser capaz de olhar seu texto com olhos mais favoráveis.

As vezes pode acontecer de um escritor já com experiência odiar a própria escrita: isso também acontece pela diferença entre o bom gosto do escritor e o que ele está escrevendo, principalmente se for um texto longo, tipo um romance, que passou por várias revisões.

Mas o segredo, em qualquer situação, seja um autor iniciante ou um autor já experiente, é sempre continuar escrevendo.

Odiar o próprio trabalho ás vezes é sintoma de uma baixa autoestima, e basta melhorar o astral que as dúvidas sobre sua própria escrita acabam.

A beleza da mulher já foi escrita

A beleza da mulher desde muito tempo sempre foi de se admirar e claro virou arte. Essa beleza já serviu muito de inspiração e resultado disso são diversos livros, pinturas e poesias que descrevem não só a beleza da mulher, mas também a sua força de vontade.

Ser mulher não é nada fácil desde os primórdios até hoje em dia e também por esse motivo a mulher é tão bela.

Pela sua força de vontade cada dia que passa as mulheres conquistam seu espaço seja onde for.

Hoje a mulher é muito mais independente do que era a anos atrás, mas sempre foi notável a beleza feminina.

O olhar de uma mulher, o cuidado e a atenção fez com que a mulher ganhasse seu espaço na sociedade e perdesse aquela imagem de ser o “sexo frágil”.

Cuidar da beleza faz bem

A mulher vem com sua beleza desde muito tempo e atualmente não é diferente. Toda mulher quer se sentir bem com si mesma.

A busca pela beleza continua, agora ainda mais que a mulher tem muito mais recurso que antigamente.

Apesar do mercado ser vasto de produtos de beleza e cuidados para pele existe uma grande preocupação da mulher em cuidar da sua pele e o que mais preocupa são as estrias. É fato que se olhar no espelho e ver sua pele toda marcada por listras vermelhas ou brancas não é nada agradável.

Você que também tem essa preocupação e quer eliminar de vez as estrias clique aqui e descubra como.

Cuidar da pele é essencial

Toda mulher que é feliz precisa sentir-se bem consigo mesma e é isso que faz a buscar por tratamentos de estrias serem grandes, o que realmente é desanimador são os valores cobrados para fazer esses tratamentos que muitas vezes podem não te dar o resultado esperado.

Pode parecer difícil muitas vezes até impossível se livrar dessas marcas. Apesar de serem apenas marcas isso afeta diretamente a autoestima e assim afetar totalmente sua vontade de levantar de manhã e fazer qualquer tipo de atividade.

A mulher nunca deixou de lutar pelo seu espaço e isso até hoje, não seria algumas marcas pelo corpo que faria a mulher desistir.

A busca foi cada vez maior e mesmo com toda dificuldade elas conseguiram chegar a um resultado incrível.

Foram capazes de encontrar a solução para esse problema, nunca questione a capacidade de uma mulher. Se ela quer, ela consegue.

A luta valeu a pena.

Hoje em dia se você quer acabar com as estrias você consegue com ingredientes que tem em casa e se não tiver pode encontrar em qualquer mercado próximo.

Você não precisa sair de casa, passar horas numa clínica e gastar fortunas para se ver livre das estrias e isso graças a mulheres que não se viam feliz com esse problema e foram em busca de formas naturais para dar um basta nisso.

Não desanimar foi o que elas fizeram e tiveram resultado.

Evite antes que seja tarde.

Você consegue encontrar na internet fazendo uma simples pesquisa no Google formas de evitar as estrias, mas se você já tem essas marcas precisa ter cuidados especiais.

São basicamente manter a pele hidratada, mas existem cremes naturais que você consegue fazer na sua própria casa para cuidar de forma correta da sua pele.

O açúcar é um aliado de quem quer dar um fim nas estrias, mas claro que misturado com alguns outros produtos.

Você pode conferir melhor esse assunto indo no site: https://eliminarestrias.org

Lá você vai encontrar algumas ótimas dicas que fizeram e fazem até a hoje a vida de muitas mulheres serem outra.

Volte a uma praia, coloque seu biquíni, volte a se sentir desejada porque essas sensações são impagáveis.

Não desista de se sentir bem e jamais pare de buscar seu bem-estar seja onde for, não deixe jamais de ser mulher. Você é inspiração para outras mulheres.

Quer continuar escrevendo sua história? Então não deixe de conferir o nosso artigo: Escrevendo sua liberdade na sorte.

Tenho certeza que como esse artigo, todos aqui irão te fazer enxergar além do que os olhos te mostram.

Escrevendo sua liberdade na sorte

Ganhar na Loteria é apenas Ficção?

Esse é um dos maiores sonhos da humanidade, o de um bela manhã acordar sabendo que foi sorteado entre milhões de pessoas, o ganhador de um premio milionário da loteria. Este desejo move pessoas de todos os continentes a depositarem sua fé em alguns números aos quais acreditam que serão sorteados.

Mas as probabilidades de ganhar parecem tão remotas que parece impossível que se ganhe. Os prêmios mais autos chegam a ter como chance de ganhar de uma em 50 milhões de pessoas.

Esta é a grande razão de hoje se acreditar que ganhar na loteria e apenas ficção, coisas de filme ou novela, basta da uma olhada na trilogia de filmes “ Até que a sorte nos separe” que vem como cunho humorístico mostrar um cidadão que enriqueceu ganhando na loteria.

Sabemos que é muito difícil, que as chances são minimas, mas a ideia de ficar rico, de não precisar mais trabalhar para ninguém, apenas viver de juros composto, encanta muita gente.

Realmente quando se pensa dessa forma é encantador, mas será que estamos preparados para ganhar um premio assim da noite para o dia?

As pesquisa mostram que não, pois a maioria das pessoas que ganharam prêmios milionários na loteria perderam o mesmo premio em questão de poucos anos.

Isso nos mostra que ganhar não é o suficiente, a pessoa tem que possuir a mentalidade correta para lidar com tal quantia de dinheiro de certa forma inesperada.

Atualmente já existem forma de aumentar drasticamente suas chances de  ganhar um premio, há pessoas que vivem apenas disso, por mais incrível que pareça, no Brasil algumas pessoas usam métodos que permitem que vençam com  certa frequência.

Como jogar na loto fácil, na loto mania, mega sena, quina e muitos outros jogos? Essas pessoas sabem como fazer e fazem. Mas parece entrar em contradição, pois anteriormente falei que a maioria perdem pouco tempo depois que ganham, mas ai é que entra a mentalidade. Assim como num jogo de poker esses apostadores de loteria se profissionalizaram e para isso tiveram que mudar a maneira com pensam, como enxergam o dinheiro.

Para eles jogar na loteria não representa o sonho de ficar rico de repente e sim o de conquistar a liberdade financeira através de investimentos de auto risco, que dão uma maior margem de lucro. Ou seja, as chances de um apostador profissional perder o dinheiro que ganhou e muito pequena, pois ele o vê como um investimento e não como um dinheiro que surgiu por pura sorte.

O segredo para tudo esta na mentalidade, seja no amor, no trabalho ou no jogo. Hoje jogar virou profissão e ganhar na loteria deixou de ser mero sonho para se tornar uma conquista conseguida com muito suor e estudo.

Sim, é possível escrever sua liberdade de vida na “sorte”, mas apenas no momento que ficar bem claro que sorte depende de alguns fatores, que são a preparação e a ação, ou seja, pare de ficar contando com a sorte, estude, mude sua maneira de pensar, se prepare, e faça, consciente de que jogar na loteria é uma forma de trabalhar hoje em dia.

Escreva sua liberdade da forma que achar melhor, seja no poker, na loteria, na internet, tudo vai depender de como você enxerga.

Escrevendo com Imagens

Desde os primórdios da humanidade o ser humano tem a necessidade de escrever, duvida? Vai em um sítio arqueológico, uma daquelas cavernas onde nossos ancestrais desenhavam o dia-a-dia deles nas paredes. Pois é, sem ter consciência eles davam os primeiros passos para a escrita, buscando de alguma forma deixar perpetuado a sua passagem por aquele lugar, sua passagem pela historia.

Com o passar dos séculos a capacidade do homem e necessidade de se comunicar foi crescendo. O desenvolvimento da escrita então foi um marco histórico para todas as civilizações, pois agora era possível fazer com que seus feitos atravessassem eras.

Mas observe que sempre foi mais simples, intuitivo para qualquer pessoa se comunicar por imagens, pois de alguma forma ela te coloca naquele momento, te traz as emoções do instante que ficou gravado para eternidade, seja na forma de um desenho na parede, na pintura em um quadro ou em uma fotografia feita com uma câmera.

As imagens tem essa incrível capacidade, ela nos conecta com aquele momento, mesmo se você não estava presente. No entanto quando ela é observada por quem a vivenciou é capaz de trazer a tona as mais puras emoções que foram vividas, fazendo a pessoa realizar literalmente uma viagem no tempo.

Nelson_Freire_segurando_um_retrato_de_Lucia_Branco_thumbAtualmente as imagens conseguem aproximar as pessoas, mesmo a milhas de distancia, em questão de segundos, enviando pelo éter o registro do que esta acontecendo. Essa arte só faz crescer, por isso hoje muito se estuda cada vez mais formas de melhorar nossa comunicação escrita por imagens, por meio de faculdades de fotografia, instituições de ensino e muitas outras formas para se aperfeiçoar a fotografia, a imagem registrada.

Nunca se tirou tanta foto, ou mesmo vídeo, pois o vídeo nada mais é que uma evolução da fotografia. Breve ela irá evoluir ainda mais e ao invés de termos a imagem congelada do momento, quase instantâneo, teremos a possibilidade de viver esse momento, mesmo não estando presente, acredito que você já deva ter ouvido falar da realidade virtual né? Esse é o próximo passo das imagens.

O poder de se comunicar por imagens hoje esta acessível a praticamente toda a humanidade, o que tem mudado o rumo do mundo, para um mundo mais dinâmico, mais instantâneo, mais belo, mais acessível. Esta nova fase mostra-se maravilhosa, pois todos os que sempre amavam uma boa imagem, uma bela fotografia, podem agora não mais apenas apreciar em uma revista ou galeria, mas participar, criar e registrar sua próprias imagens e poder encantar outras pessoas.

Tudo isso se deve a essa acessibilidade de poder ter uma boa câmera fotografia, fazer um curso online de fotografia e exercer esse hobby que é tão incrível, algumas pessoas até associam fotógrafos com super heróis 🙂

Que tal escrever uma história? Que tal escrever a sua história? Mas toda ela em imagens?

Se topa o desafio, prepare seu material e comece hoje mesmo a registrar a historia de sua vida, congelando os mais maravilhosos momentos que suas aventuras possam lhe proporcionar, para um dia reviver eles e transmitir por gerações as emoções que um dia você experimentou.

fotos-de-amigos+danigarlet+praia-do-forte-fpolis-7

Agora se você quiser ir um passo além pode se tornar um fotografo profissional e alem da sua passar a registrar momentos da vida de outras pessoas, mas como disse ai é um outro nível, muito maior. Veja esse vídeo abaixo que mostra um pouquinho de como é a vida de um fotografo profissional.

 

Era isso que queria compartilhar com você nesse post, continue navegando aqui no site e curtindo todo o nosso conteúdo, no mais, até o próximo post.

Grande abraço.