Morning Pages – As páginas matinais irão salvar sua escrita

Quem gosta de escrever sabe que as coisas não são tão simples, muitas vezes é uma tarefa árdua.

Se para quem quer seguir uma carreira de escritor ou similar é assim, imagina para quem tem que escrever por “obrigação”.

Pensando em todos que passam por isso, será ensinado aqui uma atividade bem interessante que com certeza irá ajudar, chamada de “páginas matinais”, também muito chamada de Morning Pages.

Morning pages é um exercício de escrita criado por Julia Cameron e popularizado em seu livro, O caminho do artista.

O exercício das páginas da manhã é projetado para ajudá-lo a recuperar ou até mesmo descobrir a sua criatividade, e silenciar o que Julia se refere como o Censor

O Censor é aquela vozinha que fica em nossa cabeça criticando cada palavra que você escreve e torna brutalmente doloroso para você escrever qualquer coisa.

“As páginas da manhã são a principal ferramenta de recuperação criativa. Como artistas bloqueados, tendemos a ficar nos criticando impiedosamente. Mesmo que pareçamos artistas funcionais para o mundo, sentimos que nunca fazemos o suficiente e o que fazemos não está certo. 

Julia Cameron criou as Morning Pages

Somos vítimas do nosso perfeccionismo internalizado, que é um desagradável crítico interno e eterno, o Censor, que reside no nosso cérebro (esquerdo) e mantém uma corrente constante de observações subversivas que são muitas vezes disfarçadas como a verdade…o ponto é parar de tomar o Censor como a voz da razão e aprender a ouvi-lo para o dispositivo de bloqueio que ele é. As páginas matinais ajudar-te-ão a fazer isto.”

Até os maiores tem os seus problemas

É normal que as pessoas vejam seus ídolos escritores como os seres quase perfeitos e que sempre estão sempre cheios de ideias.

Realmente pensam que escrever vai tão naturalmente que aquele escritor não teve nenhum problema em colocar a caneta no papel e que as palavras simplesmente fluíram para ela. 

Um relato pessoal do Michael Pollock quanto a essa ideia de que os grandes escritores não têm seus bloqueios criativos. Ele também está semeando a ideia da escrita matinal para o máximo de escritores possível.

É uma chamada de despertar para mim.

Folha de papel com erros

“Penso a mesma coisa quando leio a escrita dos outros. Eu acho que escrever deve ser tão fácil e natural para eles, quando na realidade, isso provavelmente não é o caso. É muito possível que lutem tanto com a escrita quanto eu.

Esta manhã, abordei páginas matinais. A minha primeira reação … odeio escrever à mão. Quando terminei, o meu cotovelo estava a arder de dor. Pensei em digitar ou apenas não fazer páginas matinais, mas acho que vou ficar com o manuscrito para ver como irá ficar. Deve ser como começar uma nova rotina de exercício. Inicialmente, é doloroso e não é natural, mas à medida que você continua a fazê-lo, fica mais fácil. Espero que seja o mesmo com as páginas da manhã.

Você vai amar: 10 dicas para que você tenha uma escrita mais inteligente

Além disso, há algo a dizer sobre exercitar uma parte diferente do cérebro. De acordo com a mais recente ciência do cérebro, seu cérebro é altamente plástico; o que significa que quando você realiza uma nova atividade, como a escrita, o cérebro muda fisicamente em resposta à nova atividade.

Então, enquanto eu continuo a escrever à mão, novos caminhos neurais e conexões estão sendo criados em meu cérebro, e isso me parece uma parte valiosa do processo de crescimento e desenvolvimento. 

É como a estrela-do-mar que consegue regenerar um membro decepado. Só que estou regenerando partes do meu cérebro. E tornar-se um escritor melhor no processo.”

Os relatos sobre Morning Pages

As morning pages salvam vidas
Salva vidas!

Quando Michael escreveu sobre as páginas matinais em seu blog ele recebeu alguns comentários sobre o assunto. Agora ele concordo que para ser um escrito, é quase obrigatório fazer isso.
Sem muita surpresa, o resultado foi positivo.

Lou Belcher disse “Tenho usado as páginas matinais há um ano. É um ótimo jeito de começar o dia; Agora, me sinto que não estou fazendo algo certo se não escrever logo pela manhã.“

A verdade é que muita gente se sente assim quando começa a fazer suas Morning Pages.

Já Cathy mostrou que agora parece ser uma nova pessoa.

“As Morning Pages mudaram minha vida. Eu li uma vez que é um despejo de cérebro, que coloca todas as ideias extras entupindo seu cérebro no papel. Sua escrita se torna muito mais focado. O livro é maravilhoso.”

E então, quando irá começar?

Be the first to reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *