Ditaram seu cotidiano e você permitiu. Mas há solução.

“Ele despertou, mas os olhos não querem abrir, contra a vontade do corpo ele se espreguiça e lentamente sai da cama. Antes de o sol aparecer ele já esta de pé, toma uma ducha, escova os dentes e apressadamente engole qualquer coisa que deveria ser a mais completa das refeições.

Todo espremido no primeiro dos três transportes que irá pegar até chegar do outro lado da cidade onde trabalha. Pra seu azar o trem quebra e ele junto com mais algumas dezenas de pessoas caminhão sobre os trilhos até a estação mais próxima. Após essa etapa pega um ônibus tão lotado quanto o transporte anterior, que para variar ia bem lentamente devido o grande engarrafamento na marginal.

Após essa maratona diária, a qual não ficou bem posicionado, já que chegou 23 minutos atrasados, o que lhe rendeu um belo sermão ao chegar no escritório. E assim o dia passou, mais um dia igual a todos os outros. No momento de retornar para casa inicia o processo contrario de condução até onde ele dorme. Sai no fim da madrugada e retornar no escuro da noite, quase não vê o sol, de quem gostava tanto, se não pelos poucos raios que entram pelas janelas dos transportes pela manhã.

Mais um dia igual aos outros todos os dias uteis do ano.”

Será que você se identificou no texto? Se não, você é um felizardo! Parabéns.

Infelizmente a maioria da população passa por esse problema e devido a isso é crescente o uso de drogas para combater a depressão, a ansiedade e outros problemas da mente que está se tornando tão normal no nosso cotidiano.

A ideia de escrever nossa vida como uma linha reta é o grande responsável por isso, pois fomos condicionados a crescer, estudar, estudar, arrumar um emprego em uma empresa que pague “bem”, mas que não necessariamente gostemos do trabalho, arrume um conjugue, mas também não precisa necessariamente gostar, tenha filhos, mande eles pra escola, em meio a tudo isso você continua indo para o trabalho que não gosta enquanto seus filhos crescem e você só pode acompanhar da cama deles.

É triste, mas é real. esboco-emoticon-triste

Hoje já se sabe que essa ideia de sucesso é na verdade muito perigosa, por isso aqueles que percebem que estão presos nesse ciclo buscam de todas as formas sair dele. Hoje já se busca muito mais por medidas alternativas de se recuperar, coisas como meditação (hoje já se diz que ela é essencial), Reiki (dizem que o auto reiki tem mudado vidas), coaching de vida (as pessoas estão precisando de orientação) e muitas outras formas.

Infelizmente deixamos que chegasse nesse nível para percebermos a gravidade do problema, no entanto já esta sendo percebido e muita gente esta em busca de escrever sua vida de maneira a abandonar essas coisas que lhe tiram a felicidade.

O maior objetivo da vida de qualquer pessoa é ser feliz, não abra mão disso, busque ser livre e fazer e ter tudo que resgate sua felicidade, pois é importante que saiba que ela esta dentro de você, mas você precisa criar o ambiente favorável para que ela saia.

Pense sobre o assunto, abraço.

seja-feliz

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *